Azul Logo Sandália Logo Havaianas Brasil Havaianas Brasil Sandália f6xq0Px Azul Logo Sandália Logo Havaianas Brasil Havaianas Brasil Sandália f6xq0Px
Seja +

Detalhes do produto

Sandália Havaianas Brasil Logo azul-marinho com detalhes em branco, amarelo e verde, confortável e ideal para uso no dia a dia.



Cabedal: borracha;



Palmilha: borracha;



Solado: borracha.

Sandália Havaianas Brasil Logo Logo Brasil Havaianas Azul Sandália Brasil Sandália Havaianas Logo Azul Logo Sandália Brasil Havaianas

OLÁ DRa.
Chinelo Preto Chinelo Zaxy Zaxy pxawdY7q7 SOU HETEROSEXUAL.TENHO 27 ANOS, E TENHO ESSA LOUCURA POR MULHERES, NÃO SOU PROMISCUO, PORÉM FICO SEMPRE INSATISFEITO, SEMPRE QUERO MAIS. PROCURO SEMPRE AGRADAR A PARCEIRA PARA SER AGRADADO, MAS NEM SEMPRE ELAS TEM A MESMA DISPOSIÇÃO QUE EU, COM ISSO ACABO ME SEPARANDO. O QUE DEVO FAZER ?

Sandália Azul Logo Brasil Havaianas Logo Havaianas Sandália Brasil

Resposta: Olá,
Gostar muito de sexo não é doença! A gente só pode considerar o sexo patológico quando você se envolve em situações de risco de vida ou mesmo não previne as doenças sexualmente transmissíveis (DST), com o uso de preservativo. Se você adota comportamentos compulsivos, se envolve em sexo com pessoas desconhecidas ou isto atrapalha a sua vida amorosa ou profissional, tudo por uma relação, aí sim seria uma disfunção sexual, que poderia ser tratada com psicoterapia. Não sei o que você entende por promiscuidade, mas ter várias parceiras é considerado, para fins de prevenção de DST, comportamento promíscuo. Quanto à sua permanente insatisfação, não dá para precisar até que ponto isto é um problema, pois você não foi muito específico no seu email. Não sei se você consegue - e quer - ter várias relações em um só dia e isto deixa a parceira cansada, ou se ela simplesmente não retribui. O que você tem que pensar como solução é conversar com ela - fora da cama. Antes de começar, que tal falar sobre o que cada um de vocês gosta, o que vocês esperam e o que os deixa frustrados? Afinal, parece que você já percebeu que não adianta ficar mudando de parceira, os problemas podem se repetir e o melhor a fazer é conversar sobre isto. Abraços
Thays Babo
crp 05/23827

Respondido por

Dra. Thais Oliveira Psicanalista

36 anos de prática psicanalítica e 8 anos com grupos terapêuticos mistos em consultório particular; 6 anos de experiência com grupos de discussão; Formação em psicologia na PUC-Rio; Especialização em Psicologia Clínica, Formação psicanalítica e em Grupoterapia na Soc. de Psicanálise Iracy Doyle, Rio.